You are here: Home

Especialidades médicas

E-mail Imprimir PDF

Médico desenhoNo Brasil são atualmente reconhecidas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), a Associação Médica Brasileira (AMB) e a Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) as seguintes especialidades e áreas de atuação.

Acupuntura: ramo da medicina tradicional chinesa e um método de tratamento chamado complementar de acordo com a nova terminologia da OMS

 

Alergia e Imunologia: diagnóstico e tratamento das doenças alérgicas e do sistema imunitário.

Anestesiologia: estudo da dor e anestesia.

Angiologia: é a área da medicina que estuda o tratamento das doenças do aparelho circulatório.

Cancerologia (oncologia): é a especialidade que estuda os tumores malignos ou câncer.

Cardiologia: estudo das doenças relacionadas com o coração.

Cirurgia Cardiovascular: tratamento cirúrgico de doenças do coração.

Cirurgia neurológica: tratamento cirúrgico de doenças da cabeça e do pescoço.

Cirurgia do Aparelho Digestório: atua na cirurgia dos órgãos do aparelho digestório, como o esôfago, estômago, intestinos, fígado e vias biliares, e pâncreas.

Cirurgia Geral: é a área que engloba todas as áreas cirúrgicas, sendo também subdividida.

Cirurgia Pediátrica: cirurgia geral em crianças.

Cirurgia Plástica: tratamento para correção das deformidades, má formação ou lesões que comprometem funções dos órgãos através de cirurgia de caráter reparador.

Cirurgia Torácica: atua na cirurgia dos pulmões.

Cirurgia Vascular: tratamento das veias e artérias, através de cirurgia.

Clínica Médica (Medicina interna): é a área que engloba todas as áreas não cirurgicas, sendo subdividida em várias outras especialidades.

Coloproctologia: é a parte da medicina que estuda e trata os problemas do intestino grosso (cólon), sigmoide e doenças do reto, canal anal e ânus.

Dermatologia: é o estudo da pele e suas doenças.

Endocrinologia e Metabologia: é o tratamento das glândulas.

Endoscopia: cirurgia abdominal, cirurgia videolaparoscópica e Cirurgia do trauma. Esta especialidade médica ocupa-se do estudo dos mecanismo fisiopatológicos, diagnóstico e tratamento de enfermidades passíveis de abordagem por procedimentos cirúrgicos.

Gastroenterologia: é o tratamento do aparelho digestivo.

Genética médica: é o estudo dos genes e de seu papel na herança das características paternais e maternais pela prole. A grande questão da genética nos dias de hoje e da medicina em geral são as células tronco e a clonagem humana.

Geriatria: é o estudo das doenças do idoso.

Ginecologia e Obstetrícia: é o estudo do sistema reprodutor feminino.

Hematologia e Hemoterapia: é o estudo dos elementos figurados do sangue (hemácias, leucócitos, plaquetas) e da produção desses elementos nos órgãos hematopoiéticos (medula óssea, baço, linfonódos).

Homeopatia: é a prática médica baseada na Lei dos Semelhantes.

Infectologia: estudo das causas e tratamentos de infecções (causadas por vírus, bactérias e fungos)

Mastologia: tratamento de doenças da mama.

Medicina de Família e Comunidade: é a área da medicina que se propõe a estudar o indivíduo enquanto ser inserido num contexto familiar e comunitário, nomeadamente integrado na sua família. Procura entender como este indivíduo se relaciona com os grupos sociais e estuda as doenças que o acometem através deste prisma. Trabalha preferencialmente com actividades de prevenção, mas também de uma Medicina de abordagem geral. Idealmente consegue resolver a vasta maioria das doenças de alta prevalência, seu principal objecto.

Medicina do Trabalho: trata das doenças causadas pelo trabalho ou com este relacionadas.

Medicina do Tráfego: manutenção do bem estar físico, psíquico e social do ser humano que se desloca, qualquer que seja o meio que propicie a sua mobilidade, cuidando também das interações deste deslocamento e dos mecanismos que o propiciam com o homem.

Medicina Esportiva: vocacionada para a abordagem do atleta de uma forma global, suas áreas estendem-se desde a fisiologia do exercício à prevenção de lesões, passando pelo controlo de treino e resolução de todo e qualquer problema de saúde que envolva o praticante de desporto ou simplesmente, exercício físico.

Medicina Física e Reabilitação: diagnóstico e terapêutica de diferentes entidades tais como doenças traumáticas, do sistema nervoso central e periférico, orto-traumatológica, cardio-respiratória.

Medicina Intensiva: é o ramo da medicina que se ocupa dos cuidados dos doentes graves ou instáveis, que emprega maior número de recursos tecnológicos e humanos no tratamento de doenças ou complicações de doenças, congregando conhecimento da maioria das especialidades médicas e outras áreas de saúde.

Medicina Legal e Perícia Médica (ou medicina forense): é a especialidade que aplica os conhecimentos médicos aos interesses da Justiça, na elaboração de leis e na adequada caracterização dos fenômenos biológicos que possam interessar às autoridades no sentido da aplicação das leis. Assim a Medicina Legal caracteriza a lesão corporal, a morte (sua causa, o momento em que ocorreu, que agente a produziu), a embriaguez pelo álcool ou pelas demais drogas, a violência sexual de qualquer natureza, etc.

Medicina Nuclear: é o estudo imagiológico ou terapia pelo uso de radiofármacos.

Medicina Preventiva e Social: se dedica à prevenção da doença ao invés de seu tratamento.

Nefrologia: é a parte da medicina que estuda e trata clinicamente as doenças do rim, como insuficiência renal.

Neurocirurgia: atua no tratamento de doenças do sistema nervoso central e periférico passíveis de abordagem cirúrgica.

Neurologia: é a parte da medicina que estuda e trata o sistema nervoso.

Nutrologia: diagnóstico, prevenção e tratamento de doenças do comportamento alimentar.

Oftalmologia: é a parte da medicina que estuda e trata os distúrbios dos olhos.

Ortopedia e Traumatologia: é a parte da medicina que estuda e trata as doenças do sistema locomotor e as fraturas.

Otorrinolaringologia: é a parte da medicina que estuda e trata as doenças da orelha, nariz, seios paranasais, faringe e laringe.

Patologia: (derivado do grego pathos, sofrimento, doença, e logia, ciência, estudo) é o estudo das doenças em geral sob aspectos determinados. Ela envolve tanto a ciência básica quanto a prática clínica.

Patologia clínica ou medicina laboratorial: é uma especialidade médica que tem por objetivo auxiliar os médicos de diversas especialidades no diagnóstico e acompanhamento clínico de estados de saúde e doença, através da análise de sangue, urina, fezes e outros fluidos orgânicos (como líquor, líquido sinovial, líquido ascítico, fluido seminal, etc).1

Pediatria: é a parte da medicina que estuda e trata o ser em desenvolvimento.

Pneumologia: é a parte da medicina que estuda e trata o sistema respiratório.

Psiquiatria: é a parte da medicina que previne e trata ao transtornos mentais e comportamentais.

Radiologia e Diagnóstico por Imagem: realização e interpretação de exames de imagem como raio-X, ultrassonografia, Doppler colorido, Tomografia Computadorizada, Ressonância Magnética, entre outros.

Radioterapia: tratamento empregado em doenças várias, com o uso de raio X ou outra forma de energia radiante.

Reumatologia: é a especialidade médica que trata das doenças do tecido conjuntivo, articulações e doenças autoimunes. Diferente do senso comum o reumatologista não trata somente reumatismo.

Urologia: é a parte da medicina que estuda e trata cirurgicamente e clinicamente os problemas do sistema urinário e do sistema reprodutor masculino.

 

Última atualização ( Sex, 03 de Maio de 2013 18:33 )